Dicas ao Dirigente de louvor

1- Definindo Louvor e Adoração.
2- Uma palavrinha sobre música.
3- Ministros e Dirigentes de louvor.
4- Uma palavrinha sobre ministração.
5- Preparando a Ministração do louvor congregacional.
6- Dicas ao dirigente de louvor.
7- Qualidades e Características desejáveis nos Dirigentes de louvor.

1- Definindo Louvor e Adoração.
De acordo com a Bíblia, o louvor está associado com a idéia de agradecimento, elogio, valorização, glorificação, exaltação, por aquilo que Deus faz (fez, fará) em nossa vida ou na dos outros. (Sl. 145:4; Sl. 147:12-13; Is. 25:01; Lc. 19:37), ou seja, nós louvamos a Deus por Suas obras, bênçãos, curas, livramentos, perdão, graça, amor, misericórdia, cuidado, etc. O louvor está sempre associado a uma ação de Deus. Deus age(agiu, agirá) e seu povo O louva(agradece, exalta, elogia, etc.). Contudo, o motivo principal do louvor é a Salvação em Cristo.

  • Esta expressão se refere ao louvor cantado, prestado pelas pessoas quando estão reunidas. Louvor coletivo.
  • O que é Adoração?
    A palavra adoração assim como outras palavras admiráveis como “graça” e “amor” podem ser mais facilmente experimentadas do que descritas. Assim escreveu A. P. Gibbs em seu livro “Adoração”.
    Porém, passeando pela Bíblia vemos que a adoração está associada com a idéia de culto (resposta), reverência, veneração, por aquilo que Deus é (Santo, Justo, Amoroso, Soberano, Misericordioso, Imutável, etc.). (Sl.96:9; Ap. 4:8-11; Ap. 7:11-12; Ap. 11:16-17), ou seja, independente do que Deus faz, fez ou fará, nós O cultuamos (O adoramos), pela sua pessoa(sua natureza e caráter), por aquilo que Ele é. A adoração é melhor representada pela comunhão pessoal que temos com Deus, pois é através do nosso relacionamento com Ele, é que conhecemos melhor a Sua pessoa. A adoração também pode ser descrita como toda e qualquer reação que temos para com Deus. Essa reação, por sua vez, também se encontra intimamente ligada ao conhecimento(revelação) que temos da pessoa de Deus.
    Obs.: Tanto o louvor quanto a adoração, devem estar presente em tudo o que fizermos. Eles devem ser manifestados no falar, pensar, vestir, trabalhar, estudar, orar, cantar, etc. Porém, nos cultos da igreja atual, a forma mais popular de expressar o louvor e adoração é por meio de música (cânticos e hinos).

    2- Uma palavrinha sobre música.

    A música desempenha um papel essencial dentro do nosso ministério. Ela é o meio principal que utilizamos para servir a Deus e a Igreja. Sem a música nosso ministério não existiria. Devido a grande importância que a música tem em nosso ministério, há algumas coisas que devemos saber acerca dela:

  • O Poder da Música
  • Preferência Musical
    A música é um assunto que divide, separa gerações, regiões do país, tipos de personalidades e até mesmo membros da mesma família. Isso se deve a dois fatores:
    Primeiro, a intimidade que cada pessoa tem com um tipo de música está em grande parte relacionada ao contexto cultural em que essa pessoa cresceu. A linguagem musical de uma cultura pode ter significado maior, menor ou diferente para diversos indivíduos naquela sociedade, e poderá ter pequeno ou nenhum significado para as pessoas que estejam fora daquela cultura. Por exemplo, uma música africana dificilmente terá algum significado para uma pessoa que nasceu e cresceu no Japão, e vice-versa.

    Segundo, cada pessoa tem uma forma diferente de perceber a música e, nenhum estilo de música provoca em todas as pessoas o mesmo sentimento. Por exemplo, um pessoa que tem afinidade com música clássica dificilmente será tocada por uma música do tipo Heavy Metal. O mesmo acontece com uma pessoa que gosta de música Sertaneja, dificilmente ela será tocada por uma música do tipo Jazz. Por este motivo, é muito importante temos em mente, que é impossível agradar o gosto musical de todas as pessoas, e que também, independente do estilo de música que usarmos em nossos cultos, atrairemos e manteremos determinados tipos de pessoas e perderemos outras.

    Veículo de Expressão
    Além de comunicar valores, produzir sentimentos e reações, influenciar o nosso comportamento e facilitar a memorização de mensagens em nosso cérebro, a música também é grandemente utilizada para expressar aquilo que ele sentimos (amor, alegria, desilusão, paz, etc.). Isto porque a música torna muito agradável a maneira de expressarmos aquilo que sentimos. Em nosso contexto, a música, entre outras coisas, também é utilizada para expressar o que sentimos por Deus.

    3- Ministros e Dirigente de louvor.

  • Ministros de louvor
    Considerando que a ministração não é algo realizado individualmente, podemos considerar então que ministros de louvor são todos aqueles que estão envolvidos, direta ou indiretamente, na ministração do louvor (instrumentistas, cantores, operadores/montadores de som, operadores de retroprojetor, e outras funções ligadas à área). Em outras palavras, ministros de louvor são todos aqueles que servem a igreja na área de música.
  • Dirigente de louvor
    O dirigente de louvor ou líder de adoração, é aquele que têm como função principal conduzir(dirigir) o momentos de cânticos nos cultos, levando as pessoas a expressarem o seu amor, o seu louvor e a sua adoração a Deus através da música. Além conduzir as pessoas, o dirigente de louvor, também é responsável pela condução(direção) dos cantores e instrumentistas dentro da música, definindo quais partes serão repetidas, as introduções, as entradas, os finais, etc. Outra função que o dirigente do louvor desempenha, durante os momentos de cânticos, é o de ministrar a vida das pessoas.

    4- Uma palavrinha sobre ministração.

    Ministrar significa servir. Em outras palavras, é aquilo que oferecemos à alguém. A ministração pode ser dividida em dois tipos: uma que é dirigida à Deus e outra que é dirigida ao próximo.

  • A ministração dirigida à Deus
    Essa ministração é direcionada exclusivamente a Deus. Seu sentido deve ser sempre na vertical (para cima). A ministração dirigida à Deus têm como alvo principal proporcionar alegria ao coração do Senhor. Ela consiste basicamente em expressar o nosso amor a Deus, reconhecer a nossa dependência dEle, reassumir o compromisso de obedecer a Sua palavra, apresentar o nosso corpo como sacrifício vivo, santo e agradável ao Senhor, e sobre tudo, oferecer-lhe aquilo que somente Ele é digno de receber: Glória, honra, louvor e adoração.

    O único tipo de ministração que agrada a Deus é a aquela que oferecida com sinceridade de coração. Porém esta ministração só será aceita se for oferecida por intermédio de Jesus Cristo (João 14:6; Hebreus 13:15).

  • A ministração dirigida ao Próximo
    Essa ministração é direcionada exclusivamente para o próximo. Seu sentido deve ser sempre na horizontal (para os lados). A ministração dirigida ao próximo têm como alvo principal confortar, encorajar, edificar e provocar transformação na vida das pessoas. Ela consiste basicamente em ir de encontro as necessidades do próximo, em levá-los a se reconciliar com Senhor, em trazer-lhes esperança de uma nova vida em Cristo, em ensiná-los a viver com Deus, em exortá-los a ter um relacionamento mais profundo e íntimo com o Senhor, em mostrar-lhes que a nossa meta é ter um caráter moldado à semelhança de Cristo, e entre outros, produzir mudança de estilo de vida.

    O tipo mais profundo de ministração é aquele que faz diferença no dia-a-dia das pessoas. Se quisermos mudar vidas, devemos preparar uma ministração para impactar as pessoas, e não apenas para informá-las. A nossa ministração deve buscar sempre ser clara, relevante e aplicável.

  • Amor
  • Andando com Deus
    Esta é a parte mais importante na preparação da ministração do louvor. É através de uma vida de comunhão e de intimidade com o Senhor que recebemos unção e direção para ministrar e dirigir o louvor. Muitas vezes usamos primeiramente nossas mentes e métodos, e só então buscamos a benção de Deus para aquilo que já criamos. Com certeza cometemos esse erro mais vezes do que gostaríamos de admitir. É realmente uma grande tentação mergulhar e crer em nossas próprias tendências, desejos, habilidades e planos antes de checá-los com Deus e buscar seu coração e mente para a preparação da ministração. Porém, quando fizermos da comunhão com Deus uma prioridade, iniciaremos e terminaremos tudo o que fizermos em diálogo com o Pai e, desta forma, conheceremos sua mente e receberemos sua benção.
  • Em sintonia com o Pastor
    É muito importante que pastor e dirigente de louvor estejam sempre em perfeita sintonia. O líder de adoração precisa ser conhecedor do seu pastor, de sua visão e manter um harmonioso o relacionamento com ele. A comunicação entre dirigente de louvor e pastor é vital. Eles devem se reunir regularmente para conversarem e discutirem sobre a liturgia, o tema da mensagem, os cânticos, enfim, tudo o que diz respeito a ministração e direção do louvor congregacional.
  • Elaborando a Ministração
    O próximo passo na preparação da ministração é elaborarmos o que vamos ministrar. Nesta etapa escolhemos a direção que vamos ministrar (Vertical-[Deus] ou Horizontal-[Pessoas])

  • Conhecendo a classificação das letras dos cânticos.
  • Louvor
  • Adoração
  • Exaltação
    São cânticos cujas letras tratam de engrandecer a Pessoa de Deus(Seu caráter, Sua natureza e Suas qualidades).

  • Contemplação
  • Consagração
  • Adoração profética
  • Confissão
  • Clamor
    São cânticos cujas letras expressam súplicas a Deus, pedido de misericórdia, auxílio, etc.

  • Relacionamento
  • Guerra
  • Doutrinários
  • Alegria (Júbilo)
  • Expectativa
  • Evangelização
  • Serviço
  • Especiais
  • Composto
  • Escolhendo os cânticos
  • Qual será o tema principal da Reunião?
  • Qual será o tempo disponível para ministrar?
  • Fazendo uma Pré-Seleção dos Cânticos.
  • Qual foi a última vez que cantamos este cântico?
  • A Letra está Biblicamente correta?
  • As primeiras músicas.
  • Conhecer as músicas
  • Atitudes e Expressões
  • Sensibilidade Musical e Espiritual
  • Falar somente o necessário
  • Incentive e Facilite as expressões
  • Certeza da presença de Deus
  • Buscam viver em Santificação;
  • Procuram ser pessoas segundo o coração de Deus;
  • Possuem consciência de que dependem de Deus para tudo que fizerem;
  • São Adoradores;
  • São Íntegros, Retos e Tementes a Deus;
  • São Humildes;
  • São Fiéis nos dízimos;
  • São Submissos à liderança;
  • São Responsáveis em tudo;
  • São Reverentes;
  • São prudentes;
  • Procuram ser atraentes no falar, no vestir, sem ferirem a ética, a disciplina, o pudor e os preceitos bíblicos;
  • Não fazem acepção de pessoas;
  • Se comunicam bem;
  • Procuram sempre aprender e se aperfeiçoar cada vez mais; Obs.: O bom dirigente de louvor se concentra primeiramente em ser uma pessoa de Deus antes de fazer o trabalho dEle
  • About these ads

    21 comentários sobre “Dicas ao Dirigente de louvor

    1. gostaria de receber informações e dicas de como proceder na minha igreja. sou lider de louvor e as vezes me vejo em situações que me desafiam. ora é no ânimo da igreja, outrora na seleção de musicas e as vezes na agregação de componentes no grupo. gostaria de ter dicas a respeito disso

      Obrigado

      • estou grata se vcs puderem me enviar apostílas sobre como produzir um bom louvor e ministrar dentro da biblia sagrada,como organizar as pastas de louvor e passar para o retro progetor e escalar as pessoas que são presentes e não com aquelas que não estão nen ai,e também gostaria de receber apostilas sobre coreografias para ensinar o verdadeiro sentido da biblia muito obrigada e fique na paz do senhor

    2. nossa muito bom queria receber informçoes ou livros de boas esperiencias estou a frente de um trabalho tanbem na igreja queria informaçoes de como organzar o louvor uma lista de louvores de adoraçao e guerra as vezes começa o culto e todo mundo ta disperço e fica assim até o final do louvor queria algumas dicas de como realmente fazer os irmao olharem pra deus e pararem de conversar durante o louvor ou fazer outras coisas de tipo que tirar a atençao pocha o louvor é um momento unico ali e tem gente que nao enchega obrigado

    3. estava precisando disso o louvor da minha igreja ta sem graça sem resultado para com deus e para as pessoas valeu pelas dicas sao muito proveitosa obrigado deus os abençoe amem

    4. muito bom, gostaria de estar recebendo informações a respeito de louvor, estou a frente desse trabalho e gostaria de estar sempre me aperfeiçoando
      aguardo
      obrigada

    5. Muito bom o artigo acima. Hoje ministro louvor em minha e igreja, mas as vezes sinto receio ou falta expressão daquilo que sinto.
      Gostaria de receber informações sobre ministração.

      Deus vos abençõe!!

      • gostei pois o Senhor nos encina a reter o que é bom , vou guarda em meu coraçao todas as dicas suas, pois que ser um verdadeiro adorador, e ser guiada pelo Espirito Santo nas minhas ministraçoes pra o Senhor Jesus. que Deus te abençe varão, contenui deixando ele te usa.

    Deixe uma resposta

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

    Conectando a %s